Articulador da Pastoral da Criança junto ao Conselho de Saúde

Articulador_pag8.jpg

O Articulador da Pastoral da Criança tem a função de ser ponte entre o Conselho de Saúde e a comunidade. Ele tem como ponto de partida as necessidades sentidas pela comunidade. Para cumprir sua missão, precisa desenvolver a capacidade de usar a metodologia do VER, JULGAR, AGIR,AVALIAR E CELEBRAR com a comunidade. Assim descobrirá quais as propostas que podem trazer mais benefício à população. Os indicadores que servem de base para a ação do Articulador são: a Mortalidade Infantil, o uso de antibiótico em crianças, a freqüência e participação nas reuniões do Conselho e a elaboração de ações preventivas, na família, na comunidade e pelo Serviço de Saúde. Esses indicadores estão elencados na Folha de Acompanhamento do Conselho de Saúde, FAC-Saúde.

Como sabemos, a metodologia da Pastoral da Criança baseia-se no ensinamento da Multiplicação dos Pães e Peixes, do Evangelho de João 6, 1-15. Essa passagem bíblica também se aplica à missão do Articulador. Vejamos como é possível adaptar essa história da Bíblia, ao nosso método de estudo da realidade.

Quando as pessoas que ouviam Jesus resolveram acompanhá-lo para fora da cidade, certamente, alguns deles levaram consigo alguma provisão de comida e água, já que dificilmente alguém sai para um lugar deserto totalmente desprevenido. No momento da refeição, essas pessoas, provavelmente, sentiram-se inseguras em mostrar o que tinham, pois a comida poderia não ser suficiente se o vizinho estivesse sem nada. Jesus procurou fazer com os discípulos um levantamento do que existia (VER). As pessoas, com certeza estavam próximas de suas conhecidas, como acontece quando se caminha em peregrinação. Isto contribuiu para saber o que cada um tinha para comer. Jesus propôs que se organizassem em pequenos grupos, como estratégia para as pessoas conversarem sobre a questão (JULGAR). Eles verificaram quantos pães e quantos peixes tinham para partilhar: cada um tinha um pouco. Constataram que havia cinco pães e dois peixes. Jesus os abençoou e pediu para repartir. A partilha do alimento é expressa por Jesus com a simplicidade de uma criança e de forma concreta (AGIR). Depois, Jesus mandou ver se todos estavam satisfeitos (AVALIAR). Foram recolhidos doze cestos com a comida que sobrou. Vendo este milagre da partilha, a multidão festejou a descoberta de que Jesus era verdadeiramente o profeta que todos esperavam (CELEBRAR).

Os indicadores da FAC-Saúde refletem a atividade mensal do Articulador e contribuem com a elaboração de ações concretas de prevenção, realizadas com a ajuda da comunidade, família, serviços de saúde e do conselho de saúde.

Desde o começo desta ação complementar, em 2003, definimos que a missão do articulador é estudar a história que envolveu a morte de uma criança no município com o objetivo de prevenir que outras aconteçam. O termo “estudar” expressa que o articulador é um colaborador e não investigador. Os casos que merecem investigação são de responsabilidade do gestor da saúde, comitê de morte materna e infantil, conselhos de profissionais ou mesmo do poder judiciário.

Wiki: ArticuladordaPastoraldaCriancajuntoaoConselhodeSaude (last edited 2010-06-25 17:19:15 by indianara)